Reportagens de Critica Investigação e Opinião
REPORTGENS, CRÍTICAS E INVESTIGAÇÕES DO CYBER-RERPORTER + SECRETO DO MUNDO Blog Nacionalista e Monárquico (UM AVISO: AQUI NÃO VAI ENTRAR O NOVO ACORDO ORTOGRÁFICO BLOG MONÁRQUICO E NACIONALISTA)
14
Mai 17

Confesso que não vou muito a bola com a música apresentada por Salvador Sobral, representante de Portugal na Eurovisão, mas é o meu país, é a minha nação e tenho que o apoiar e tinha que apoiar ontem.

Mas tirando este dever nacional comecei a sentir que algo ia acontecer quando a canção "Amar pelos Dois" começou a viralizar pela Europa toda, sobretudo na escolas dos países que estão dentro do grupo dos Big 4 da Eurovisão e eu pensei, "alto e para o baile" que algo vai acontecer neste V Império e de facto ao ver as meias-finais vi que a nossa canção era diferente de todas as outras e que algo de bom poderia resultar da exibição de Salvador Sobral.

Ontem deu-me para ver o Eurofestival, sem grandes expectativas e fui vendo as várias canções e esperei pelas votações: primeiro a do júri, depois a do televoto (esta sim decisiva) e comecei a ver Portugal a acumular pontuações máximas (12 pontos) umas atrás das outras e a conseguir pontos de praticamente de todos os júris que poderiam votar em Portugal e quando chegou-se ao fim Portugal levava mais de 100 pontos sobre a Bulgária e comecei a sentir o mesmo nervo que senti na final do Euro 2016.

E começaram a sair as votações do televoto e comecei a ver que as pontuações mais fracas iam para outras nações que não Portugal e comecei a sentir que íamos matar o borrego e que desta vez é que seria a vitória de Portugal e por tabela do V Império que não é um império de submissão, mas sim um império de partilha cultural e de sentimentos.

E quando vi a conquista de Salvador Sobral fiquei alegre e fiquei numa espécie de nuvem ou numa viagem que eu não queria que acabasse de forma nenhuma e acordei hoje ainda a pensar que estava num sonho doce de conquista nacional que sempre nos fugiu devido a politiquice dos júris de cada nação que agiam numa de troca de favores em vez de escolherem as melhores músicas ou as músicas que fossem diferentes e ao mesmo tempo boas e que as houve mas raramente ganhavam.

 

Apenas me resta dizer uma coisa:

 

 

Obrigado e Parabéns Salvador Sobral

 

Será que ganhamos a Eurovisão?

 

publicado por tron às 21:27
|  O que é? | favorito
14
Mai 17

Eu depois do almoço relativamente tardio de hoje fui tentar bater uma sorna, mas estava por dentro numa pilha de nervos e nem conseguia dormir nem com música calma e apenas me limitei a respirar devagar para tentar relaxar, mas tais tentativas foram inúteis e tantas voltas e contra-voltas dei na cama que acabei por ver uma cena no Canal História e nem dei pelo tempo passar e vi que estava quase na hora do jogo que poderia ou dar uma grande alegria ou um amargo de boca.

Todavia me sentia optimista e fui buscar os meus amigos desta ocasião: os termoços e comecei a comer uns atrás dos outros e a ver o jogo e ter um nervoso miudinho a aumentar a medida que o tempo ia passanado e como os termoços são salgados para burro tive que parar de os comer e ao ver os golos da minha alegria, os golos que estavam a carimbar a maior conquista do Glorioso desde da conquista da Liga dos Campeões/Taça dos Campeões em 1961 e 1962.

Mesmo com o marcador a favor dos encarnados e só comecei a acreditar quando o Benfica ia aguentando o resultado durante a segunda parte (ao intervalo já estava o Glorioso a ganhar 4-0) e estava com receio que algo corresse mal, até que Jonas marcou o 5º golo do Benfica e aí vi que o tetra não nos escapava por nada deste mundo e foi viver o momento até o minuto 90 e gritar em plenos pulmões "Somos tetracampeões!".

Neste 13 de Maio que roça a surrealidade que foi o último dia de uma visita rápida de Sua Santidade, o Papa Francisco que veio como perigrino e não como visita de Estado, e que para não variar mostrou uma simplicidade que o caracteriza e na hora marcada se fez a viagem para o Vaticano e além da visita papal era dia de festival da Eurovisão e apesar de Portugal neste festival estar entre os favoritos, eu pessoalmente não acreditava que Salvador Sobral conseguisse algo mais do que um top10.

Pois bem num dia que para mim foi uma trip alimentada por algumas músicas dos Pink Floyd ou algo mais psicadélico mas sem tomar nada, qual paradoxo de Schrödinger comecei a ver a evolução da pontuação do festival da Eurovisão e comecei a ver algo que nunca tinha visto em 38 anos de vida que é Portugal estar em primeiro e com o passar dos vários júris nacionais ir cimentando a liderança com força... e depois vinha o televoto que no último certame virou tudo de cabeça para baixo.

E veio a derradeira parte do dia mais surreal ou um dos dias mais surrreais da minha vida e da vida de muitos e conforme as votações do televoto ia saindo eu ia ficando com a sensação que desta vez é que seria a nossa vez, a vez de Portugal se impor na Eurovisão e a surrealidade de um dia único na História da nação de seu nome Portugal estava a acontecer e vitória de Portugal no festival da Eurovisão aconteceu embora eu não acreditasse no que vinha publicado na imprensa, mas aconteceu.

A surrealidade de um Sábado marcado por ser o centenário das aparições em Fátima, mas o melhor do dia estava reservado para o final da tarde e do dia quando dois inusitados eventos aconteceram no mesmo dia: a vitória na Eurovisão e o tetra do Benfica...e ainda estou a pensar se esta conjunção cósmica aconteceu mesmo ou não pasaa tudo de um sonho onírico ou de uma vigaem no ácido ao ritmo dos Pink Floyd....

 

 

 

Parabéns Salvador Sobral

 

 

Parabéns Benfica

publicado por tron às 12:13
|  O que é? | favorito
sinto-me:
música para pensar: We Are The Champions - Queen; Amar Pelos Dois - Salvador Sobral
11
Mai 14

Quando ganharam em 2006 e eu falei aqui no meu recanto, foram considerados, aberrações e eu na altura já tinha este mesmo blog já no ar até posso dizer que admirei uma certa escolha refrescante porque a escolha foi uma escolha fora dos cânones da Eurovisão porque os vencedores foi uma banda de heavy metal

 

 

e esperando sempre que seja do vosso gosto

 

 

 

Hard Rock Hallelujah - Lordi

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

publicado por tron às 23:59
|  O que é? | favorito
sinto-me:
música para pensar: Hard Rock Hallelujah - Lordi
10
Mai 14

Hoje depois da aberração escolhi uma das melhores pérolas do Festival da Eurovisão e que quando foi a gala dos 50 anos do certame foi escolhida como a melhor canção de sempre, uma espécie de canção das canções

 

 

 

 

da fria Suécia

 

 

 

terra do Ikea

 

 

 

Waterloo - Abba

 

 

 

 

espero que seja do vosso agrado

 

 

 

 

o mal para Portugal é que neste ano onde para os suecos foi favas contadas.... mandamos uma das melhores composições que mandamos alguma vez nos últimos 40 anos sem ser a presença brilhante de Lúcia Moniz..... que foi a mítica E Depois do Adeus de Paulo de Carvalho

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

publicado por tron às 23:59
|  O que é? | favorito
sinto-me:
música para pensar: Waterloo - Abba
10
Mai 14

Peço desculpa em primeiro pela ausência mas o PC deu-lhe uma travadinha e tive que fazer um restauro e por outro lado o éstado de saúde da minha mãe não me tem dado nenhum ânimo para a escrita, embora eu já tenha achado a minha irmã e a guerra fria que havia entre nós parece ter tido uma detènte e assim vamos ajudando a mãe como podemos a nossa maneira.

Agora passados 16 anos da transssexual israelita Dana International ter ganho o festival de Eurovisão em 1998 e no caso de Dana se não fosse o facto de se saber que ela tinha sido ele teria passado bem por mulher de nascença e no qual Portugal ficou num sofrível 12º lugar com 36 pontos com a apresentação da Banda Lusa, conhecida banda do mundo pimba que despertou exactamente no festival da Canção'98 e na Eurovisão ganhou projecção nas comunidades lusas um pouco por tudo o mundo além dos dos seus membros ou parte deles serem emigrantes.

E a Eurovisão faz com Portugal (e não só) o mesmo que a UEFA nos faz de vez enquando no futebol e o Comité Internacional de Hóquei em Patins nos tem feito nos tempos mais recentes que é nos tramar a vida a qualquer custo e há dois anos Os Homens da Luta foram despachados de vela e o mesmo destino teve Suzy com a canção "Quero Ser Tua" que tinha como enfeite um negro pintado mais como polinésio do como africano que fazia percussão e que não caiu no estreito do juri da feira de aberrações estranhas que faz concorrência ao Freak Show de Coney Island em Nova Iorque que votou nem num transsexual ou memo um gay assumidos mas sim num travesti  austríaco cuja qualidade da música consegue ser pior do que uma música composta pelo príncipe dos pimbas, Emanuel.

Confesso que quando li a notícia estranhei e fiquei a pensar se juri não se anda a drogar e ainda por cima Portugal fez algo semelhante aquela coisa que os cães deixam nos passeios e de vez enquando pisamos e deu 12 pontos a esta coisa o que me deixa a pensar se este sistema de semi-finais tem alguma validade e se o certame em si tem viabilidade para continuar porque a canção que ganhou o ano passado mete a vencedora deste ano no chinelo, algo semelhante a grande Lúcia Moniz em comparação com o desastre chamado Célia Lawson e ainda a Eurovisão, leia-se a União de Radiodifusão disse que não tinha dinheiro para os Jogos Sem Fronteiras que sempre dava para passar o serão e deixam que apareçam exibições que conseguem ser piores que muitos cantores pimba que andam por este Portugal fora e sendo assim mais valia ser o Tony Carreira a ganhar porque de certeza merecia mais o caneco do que esta aberração saída da pátria das valsas e do bom chocolate e não nos podemos esquecer que Freddie Mercury e os Queen no seu todo quase foram ostracizados com a  quase-operática I Want To Break Free porque a MTV "chumbou" o vídeo e agora passa reallity shows de namoros lésbicos e em muitos países por este mundo foram foram olhados de lado apesar do estilo de travestimo usado no vídeo em questão era o mesmo que era usado no teatro burlesco dos anos 20 e que era usado como escape dos prisioneiros de guerra britânicos sobretudo na 2ª Guerra Mundial e era a gozar com uma novela britânica que leva já perto de 50 mil episódios chamada "Coronation Street" e agora na Eurovisão aparece a mulher de barbas ou o homem com mamas....de silicone.

E ficam as minhas perguntas de sempre: Porque ainda gastam dinheiro no festival da Eurovisão ? Não valia mais gastar no Jogos Sem Fronteiras ? Quantas mais aberrações de Coney Island a Eurovisão vai divulgar ao mundo ? Quem me explica o estado de pseudo-lucidez do juri ? Que porra foi esta de festival da eurovisão ?

Como sempre vos peço para ler, comentar e divulgar

publicado por tron às 23:06
|  O que é? | favorito
sinto-me:
música para pensar: Comforably Numb - Pink Floyd
05
Mai 14

Como estamos perto do festival da Eurovisão

 

 

 

 

A Little Peace - Nicole

 

 

 

 

espero que gostem

 

 

 

 

 

 

 

 

publicado por tron às 23:59
|  O que é? | favorito
sinto-me:
música para pensar: A Little Peace - Nicole
18
Jan 14

E hoje passam 30 anos que a cultura da Lusitânia perdeu um dos seus maiores expoentes da poesia: José Carlos Ary dos Santos

 

eu em termos artísticos e/ou culturais não misturo ideário político com o talento dos autores, artistas, etc e sempre aprendi a reconhecer ou a tentar reconhecer talentos na minha família que apesar de não ser de grandes estudos sempre cultivou aquilo que os alemães chamam de Wissenschaft ou escola da vida e esta mesma escola fez com quase todos os membros da família entendessem de tudo um pouco

 

 

e em homenagem ao grande poeta Ary dos Santos

 

 

 

vos deixo a música de hoje cujos versos foram de sua autoria e uma das melhores canções que alguma vez Portugal mandou a Eurovisão apesar do seu frustrante 9º lugar

 

 

 

 

 

Desfolhada Portuguesa - Simone de Oliveira

 

 

 

 

 

espero que seja do vosso agrado

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

publicado por tron às 23:59
|  O que é? | favorito
sinto-me:
música para pensar: Desfolhada Portuguesa - Simone de Oliveira
26
Ago 13

Hoje passaram 25 anos de outra perda para a nação

 

 

a morte de Carlos Paião, músico de excelência e sempre bem dispostos....

 

 

e a melhor homenagem que se pode fazer a um cantor e/ou banda é lembrar um dos seus maiores êxitos ou a música daquele artista ou banda que nos tivesse marcado de alguma forma.....

 

 

e vos deixo algo mesmo de imortal

 

 

 

Play Back - Carlos Paião

 

 

 

 

espero que seja do vosso agrado

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

publicado por tron às 23:59
|  O que é? | favorito
sinto-me:
música para pensar: Play Back - Carlos Paião
30
Mai 12

Depois do pudim instântaneo que ganhou a Eurovisão vindo da Terra do Ikea, e depois de mas uma cabazada nacional com uma música de gosto meio para o duvidoso vos trago quando Portugal mandou uma música capaz para a Eurovisão

 

 

 

 

 

e esperando sempre que seja do vosso agrado

 

 

 

O Meu Coração não Tem Cor - Lúcia Moniz

 

 

 

 

 

 

 

publicado por tron às 23:59
|  O que é? | favorito
sinto-me:
música para pensar: O meu Coração Não Tem Cor - Lúcia Moniz
29
Mai 12

Uma música leve, bem dançável que nada tem a ver com o Rock In Rio cuja subsérie volto amanhã

 

 

 

esperando que seja do vosso agrado

 

 

 

 

e inspirada na vitória sueca da eurovisão com uma música modelo Ikea Caixa plana vos trago algo da Suécia não tão sem gosto, assim como o refergerante a base de bagas que vendem no Ikea

 

 

e esta peça foi considerada a melhor música dos 50 anos da mixórdia da eurovisão

 

 

 

e tiveram razão

 

 

 

 

Waterloo - Abba

 

 

espero que gostem

 

 

 

 

 

publicado por tron às 23:59
|  O que é? | favorito
sinto-me:
música para pensar: Waterloo - Abba
Dezembro 2017
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31
mais sobre mim
pesquisar neste blog
 
links
blogs SAPO