Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Reportagens de Critica Investigação e Opinião

REPORTGENS, CRÍTICAS E INVESTIGAÇÕES DO CYBER-RERPORTER + SECRETO DO MUNDO Blog Nacionalista e Monárquico (UM AVISO: AQUI NÃO VAI ENTRAR O NOVO ACORDO ORTOGRÁFICO BLOG MONÁRQUICO E NACIONALISTA)

Reportagens de Critica Investigação e Opinião

REPORTGENS, CRÍTICAS E INVESTIGAÇÕES DO CYBER-RERPORTER + SECRETO DO MUNDO Blog Nacionalista e Monárquico (UM AVISO: AQUI NÃO VAI ENTRAR O NOVO ACORDO ORTOGRÁFICO BLOG MONÁRQUICO E NACIONALISTA)

Se És Da Bófia, Cala-te e Lambe O Cu A Rosa E Aos Teus Chefes Senão Ficas Sem Graveto

Mais uma vez a para-ditadura socialista que (des)governa a podre,velha e senil república volta a fazer das suas para calar todas as vozes contestárias e mostrando como soa a inútil o esforço dos Capitães de Abril para que esse país fosse desagrilhoado transformando esse momento histórico para a Europa e Para o Mundo na Revolução dos Patos Bravos, pondo aqueles no poder que não conseguiriam nem entrar na CDE ou na Ala Liberal.

A vítima do (des)governo de Adolf Videla Sócrates voltou a ser o presidente o presidente do Sindicato dos Profisiionais de Polícia (SPP/PSP), António Ramos que já tinha sido reformado compulsivamente só por dizer a verdade e agora tem mais dois processos disciplinares que podem resultar na perca dessa dita reforma.

O que levou a essa medida fascista foi um jantar de solidaridade em Olhão, revelou uma bomba verdeiramente nuclear quando disse que um dos processos que o puniu com a reforma compulsiva foi porque disse na imprensa que parte do aumento do crime violento se deve em parte a cidadãos estrangeiros que entram e saem ilegalemente de Portugal, ou seja, mostrou a incompetência do SEF em público e altos berros e também a incompetência do (des)governo da para-ditadura a lidar com o crime violento.

Além disso o mesmo dirigente sindical denuciou a existência duma polícia secreta dentro da própria PSP, uma espécie de de PIDE/DGS dentro da própria PSP sem controlo nenhum tal como a guarda pretoriana do antigo regime.

Acontece que a reforma compulsiva foi decretada pelo próprio ministro pessoalmente a António Ramos e ao seu colega do SPP de Faro, António Cartaxo porque tocaram na ferida e apontarem que os crimes feitos contra polícias nos últimos tempos foram feitos por estrangeiros tanto o assassinato do agente Irineu como dos dois agentes mortos por Marcus Fernandes aka. Rouxinol que no Brasil matou uma família inteira incluindo um bebé e era procurado pelo prgrama da Globo e GNT desde 2002 e tem 30 anos de cadeia para cumprir no seu país e niguem sabe como veio parar a Portugal como um procurado do Linha Direta que veio parar a Portugal como técnico duma firma associada a tv-cabo e que no Brasil matou a prórpia namorada com uma pedra na cabeça.

E esses dirigentes tocaram na ferida da quantidade crimes violentos feitos por estrangeiros como foi o de ontem feito por um brasileiro e que ultrapassa os limites da tolerância humana e mostra como estes dirigientes do SPP têm toda a razão mas como tocaram na ferida, aordem é para silencia-los de imediato como ainda apontou a balda descarada de Durão Barroso para Bruxelas e disse que o outro vai mais depressa para o Quénia (em calra alusão a balda descarada para esse mesmo país por parte de Adolf Videla Sócrates quando Portugal estava coberto de fogo), mas em Portugal graças a essa para-ditadura voltamos 40 ou 50 anos atrás no tempo.

 Mas está visto que na podre,velha e senil república jamias a verdade, sempre a mentira e a corrupção, bastou ver o que aconteceu com Vale e Azevedo quando tocou na ferida dos negócios sujos da Olivedesportos e do nada surgiu o caso do suposto barco "I Love You" entre outras histórias mal contadas enquanto os suspeitos do processo Apito Dourado ficam soltos.

Meus amigos e minhas amigas como podem ver quem diz a verdade é sempre punido, quem rouba e repirme fica solto dando a impressão que Portugal é dirigido por uma cambada de filhos da puta ainda piores que no antigo regime, bem impressão não é mas sim a mais a dura das verdades.

E deixo as minhas perguntas sempre sem resposta: Será que Portugal voltou a ditadura ? Já não se pode dizer as verdades sobre o poder rosa a vontade ? O que o presidente da rpública diz sobre isso ? Qual a sua utilidade ? Já não seria altura de se acabar com esse estado de coisas e se fazer um golpe de estado ? Para que serviu o 25 de Abril ?

Como sempre vos peço para ler, comentar e divulgar.

 

10 tirinhos na república

Comentar post