Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Opiniões e Críticas Secretas

Opiniões e Críticas Secretas

Responsável do IGCP avisou que swaps do Santander eram os “piores” em Fevereiro de 2012

 

 

 

 

O Santander Totta é o único banco com o qual ainda não foi possível qualquer entendimento para cancelar swaps.

 

 

 

 

 

 

 

(Fonte: Público)

E a música que marca 2012.....

 

 

é

 

......

 

 

 

Vossa Excelência - original dos Titãs e que foi este ano gravada pelos enormes Xutos....

 

 

e vos deixo uma versão só com os xutos e outra que junta titãs e xutos

 

 

 

espero que seja do vosso agrado

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Ontem não pude fazer esta pequena lista porque o portal do Sapo estava a festejar o ano novo e por isso tinha metido o dia, mas hoje apesar de feriado o Sapo acordou bem disposto sem grandes sinais de ressaca, felizmente e bem disposto como acorda sempre quando adormece ou fica a curtir uma grande festa que espero que tenha sido o melhor possível para todos e todas visitantes deste recanto.

Neste artigo de hoje, o primeiro do ano da Graça de Deus de 2013 e o ano que este longo blog completa a sua primeira década de vida, vai ser dedicado ao que bom e mau que aconteceu no finado ano de 2012.

Começando pelo pior do ano e o ano de 2012 começou como acabou 2011, com austeridade e com cada vez menos direitos sociais e pessoais ao ponto de direitos como a habitação, emprego e educação passarem a ser duma classe que não a elite do dinheiro, mas a elite dos partidos e das sociedades secretas que são o verdadeiro poder no Portugal pós-PREC, a esta coisa a qual não temos a culpa ainda temos acrescentar tragédias como o Costa Concordia ou os massacres nas escolas no EUA ou o caso da besta que matou as crianças as quais deu a luz porque chamar isto de mãe é ofender tudo que se entende por maternidade.

Continunado na Lista Negra, passamos para a desilusão do desgoverno Passos Coelho e o caso barbudo da licenciatura que não existe de Miguel Relvas, mas graças as suas ligações a Maçonaria nada lhe vai acontecer bem como a Isaltino Morais que vai acabar o seu mandato na CM de Oeiras sem que nada lhe aconteça, o caso que marcou 2011 o caso Rosalina ainda não andou nem desandou.

Ainda na lista das tragédias podemos colocar o desempenho do Sporting que é o pior de todos os tempos desde da sua criação em 1906 e que para alguns mais pessimistas pode ser sinal que a infâmia maior do Sporting descer de divisão no futebol já está ao virar da esquina e eu como lisboeta sinto-me triste de ver um Sporting tão miserável como este Sporting deste ano que não faz jus ao nome e a instituição fundada pelo Visconde de Alvalade.

Para acabar com a série negativa de relatos vem algo de pessoal que foi a mnha mãe ficar com diabetes II e eu ainda estar a espera de casa da CML com que estas voltas acho que tenho tempo de morrer ou ver cair neve em Lisboa antes de ter a minha ansiada casa....

Agora o lado positivo de 2012

Do lado positivo se pode destacar o desporto nacional como um todo porque tivemos uma exibição olímpica razoável, embora pudesse ser melhor mas mesmo assim os meus parabéns a equipa de canoagem e a equipa de ténis de mesa que foram maiores do que aquilo que esperamos deles alguma vez na vida; as selecções de hóquei que tanto em feminino como em masculino o duelo de sempre a marcar o evento seja ele mundial ou europeu, ou seja, o crónico Portugal x Espanha que já está como clássico no futsal e no futebol porque nos tempos mais recentes tem sido o duelo mais repetido entre equipas europeias, tanto em mundiais como em europeus e neste europeu da Polónia e Ucrânia se repetiu uma cena já vista que é Portugal cair aos pés dum finalista ou mesmo do campeão europeu e em 2012 perante a titânica Espanha que suou em bica para ganhar a Portugal só apenas passou nos penalties onde um Portugal não tão inspirado como aquele jogo de todas as emoções de 2004 e caiu nos penalties perante a Espanha que além de ter sido o primeiro campeão europeu a revalidar o título vulgarizou a Itália com um pesado 4-0 na final.

Ainda no desporto tenho que destacar, aquele que para mim, é o melhor nadador de todos os tempos e talvez o melhor atleta olímpico de sempre que nos jogos de Londres chegou a sua medalha nº 22, que é apenas menos uma medalha do que Portugal ganhou em 100 anos de jogos olímpicos...loucura pura.

Em terras nacionais, Benfica e Porto assumiram praticamente um domínio em quase todos os desportos; que nem é doce nem azedo; é algo agridoce sobretudo porque o Porto extinguiu o basket tornando a 1ª Liga de basket um domínio de um super-Benfica que lembra os tempos quando o mítico Carlos Lisboa era o chefe de um constelação de estrelas que chegou a ganhar dez anos seguidos a primeira liga de basket em Portugal e ainda representou Portugal no Eurobasket.

No hóquei o duelo entre águias e dragões nada perde para o Portugal x Espanha sendo já prato do dia os dois maiores emblemas nacionais da actualidade jogarem o campeonato até ao fim; no andebol ainda o Sporting se mexe alguma coisa e ainda existe o ABC de Braga que atenua este domínio dual que não existe no futsal porque aí a dualidade fica em Lisboa, onde outro cromo do andebol chamado Clube de Futebol Os Belenenses tem a sua palavra.

Mas o ano tinha que acabar mal porque se perdeu um capitão de Abril, Coronel Marques Júnior que fez parte do Grupo dos 9 e perdeu-se um relaizador de cinema, o cineasta Paulo Rocha e houve aquela tragédia em Angola numa cerimónia da IURD...

Para 2013 espero que o mundo seja um pouco melhor e que Portugal saia desta porra da austeridade e se para Portugal sair do lodaçal significar o findar da república, então em nome da nação que se acabe com a república porque o inútil do presidente da república promolgou o orçamento de estado e vamos ver se os juizes do Palácio Ratton travam a maior violação de direitos laborais de toda a existência de Portugal como nação.

Não deixo perguntas....

 

 

apenas um desejo

 

 

 

 

que 2013

 

 

 

seja melhor

 

 

que

 

 

2012

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Post-Scriptum: Personalidade ou entidade do ano em termos gastronómicos: a secção de padaria do Continente....o bolo-rei deles é de comer e chorar por mais....mas é pequeno demais para os gulosos

Este desgoverno além das violações a lei fundamental tem outra tendência igualmente patológica e que mostra o quão falso é este desgoverno e como em termos de carácter deixa muto a desejar e ao mesmo tempo se é para deitarem perdigotos e saramgos pela boca fora, então fechem a boca que é para evitar males piores.

A nova gaffe do desgoverno Passos Coelho vem dalí das bandas da Defensor de Chaves, mais precisamene do ministério da morte lenta e funerais, ou seja, do ministério da saúde em particular do secretário de estado da Saúde, o cidadão que dá pelo nome de Fernando Leal da Costa, que deve perceber tanto desta área como Vítor Gaspar percebe de finanças públicas.

Como se sabe que devido a mais um apertar de cinto anda tudo em teoria com falta de dinheiro mesmo naqueles sectores da sociedade onde o Estado tem que ser Estado haja ou não lucro no meio da festa seja ela qual for seja em que sector for e este desgoverno no sector da saúde, cada vez que abre a boca sai disparate e cada um pior do que o outro.

E hoje o Senhor Fernando da Costa mas valia ter ficado calado porque disse para os portugueses evitarem de adoecer para que o sistema nacional de saúde conseguisse manter a sua sustentabilidade porque assim os portugueses iam menos aos centros de saúde e hospitais e assim o desgoverno poupava dinheiro e depois da bronca de Gaspar com o orçamento seria mais uma borrada de todo o tamanho e eu gostava de saber se o português comum não vai ao médico como cuidado de saúde preventivo então como mantém a vigilância do seu estado de saúde se não vai ao médico de família ou um especialista caso precise se os aparelhos para se fazer estes testes em casa ainda são mais caros que smartphones de baixo custo.

Este mesmo secretário de estado que ganha o prémio do otário do ano, deve fazer em termos de cuidados de saúde aquilo que todo o políico da república que se preza faz a si e a sua família que é levar para uma qualquer clínica privada por nossa conta enquanto aqueles que menos podem e precisam mais do sistema de saúde pagam para sustentar um bem que deveria de ser público e ainda ouve bocas para que não vá ao médico quando o senhor ministro vai a clínica quando quer com os nossos impostos a pagarem a clínica ao sr. ministro.

E ficam as minhas perguntas de sempre: Para que servem estas bocas ? Não valia mais que este senhor ficasse com a boca fechada ? Aonde vamos parar ? Para que nos serve a república e o seu presidente ?

Como sempre vos peço para ler, comentar e divulgar

De facto para se entender o sistema político em Portugal temos que estar com uma granda moca nos cornos

 

 

 

 

 

 

em vez do cósmico Comfortably Numb

 

 

 

o seu némsis subterrâneo

 

 

 

 

 

 

Drogado - Ena Pá 2000

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Sempre se soube que aqui em Portugal as forças da ordem (PSP e GNR) sempre foram mal pagas e se não fossem os bónus que fazem parte da tabela de remenurações, tanto da antiga como da mais recente, muitos membros da PSP e da GNR em especial os elementos de base com os 700 euros que ganham de salário sem os bónus andariam pelas ruas a pedir esmola ou iam a Sopa do Sidónio ou iam buscar a sopa dos sem-abrigo para sobreviver, sustentar as respectivas famílias e pagar as contas e já nem sei se há algum membro das forças da ordem no meio das turbas que vão receber uma refeição quente nas ruas de qualquer cidade grande em Portugal.

E segundo a Associação Sócio-Profissional da Guarda existem aproximadamente mil elementos da GNR com os respectivos salários penhorados por via judicial e já existem famílias de elementos da GNR falidas, ou seja, a passar fome e a não conseguir pagar as contas não se sabe de mais casos porque os militares da GNR têm vergonha de dizer que andam a passar fome e a situação não é recente e vem de pelo menos de há 3 anos atrás que foi quando a ASPIG soube destes casos de famílias falidas e o presidente da ASPIG,José Alho, pediu ao ministro da administração interna para que pelo menos os militares que estão falidos possam aceder as cantinas da GNR a preços simbólicos para não passarem fome.

O ministro da Administração Interna, Miguel Macedo, disse a comunicação social que os serviços sociais da GNR estão a analisar as situações mais urgentes e que na formação do Orçamento de Estado está prevista a integração dos elementos da PSP e da GNR que ainda recebem pela tabela antiga, ganhando ainda pior do que a média.

No entanto sempre aprendi que o inferno está cheio de boas intenções e que o tempo de expedientes e medidas conciliadoras já passou e que entramos num período de consequências e vos digo isto porque a nova tabela de salários da GNR e da PSP entrou em vigor em Janeiro de 2010, ainda no reinado de Sócrates e o que aconteceu é que há membros das forças de segurança a ganhar mais do que outros nas mesmas categorias e trabalhos e desde de então se ouve que vai haver fusão das duas tabelas salariais e passados mais de dois anos e ainda não vi nada e cada vez existem mais suícidios, falências de polícias e GNR's e estes a passarem fome quando não são eles e a respectiva família também a passarem por baixo da mesa, num país onde a taxa de desemprego é apenas a terceira da eurolândia só perdendo para Grécia e Espanha com os seus quase 17% e depois ainda se vai juntar oeste cenário de miséria nas forças da ordem é de facto escandaloso.

Estou farto de ouvir falar os engravatados do poder da república a dizer que não têm dinheiro que não podem e nem sei que mais, mas podem manter fundações duvidosa, criar grupos de trabalho e comissões que ninguém sabe  para que porra servem mas chupam mais dinheiro do erário público por hora de serviço do que um hospital central como o de Santa Maria ou São João e que continuam a aparecer como fossem cogumelos no Outono e ninguém diz nada, mas agora uns quandos membros das forças de segruança a passar fome, isto para o desgoverno Passos Coelho é peanuts de tal forma que no último ano em que o dia de luto nacional, perdão implantação da república, o Führer Passos Coelho vai passear para Chipre para fugir das responsabilidades da borrada que tem feito com a desculpa da cimeira do mediterrâneo e o ministro das finanças vai nos dar amanhã às 3 da tarde, aí numa de intervalo para o café indigesto mais medidas de austeridade mas ninguém corta nos mimos dos políticos da república e bem-vindos somos a república dos bananas que somos todos nós cada vez mais esfomeados (até na polícia) mas sempre austeros ao ver a polícia daqui a pouco ir comer a Sopa do Sidónio enquanto o poder da republica come Vichyssoises no Tavares Rico, Gabrinus, Aviz e outros restaurantes assim como assim que são o némsis da Sopa do Sidónio.

E ficam as minhas perguntas de sempre: Mais alguma profissão se vai queixar que passa fome ? Aonde vai parar Portugal ? Porque não cortam nos mimos dos políticos ? Querem que Portugal se transforme numa nova pátria do nazismo ? Estão a brincar com o povo ? Afinal a austeridade é para quem e quem ganha com ela ? Que país é este ? Porque o presidente da república se cala ? Para que nos serve a república ?

Como sempre vos peço para ler, comentar e divulgar